10 years later

Exactly 10 years ago we had to make one of the most difficult decisions of our lives. A decision that completely changed the course of our history as a family. A decision that affected a nation.

read more

HAKANI A GIRL CALLED SMILE

In 1995, a woman from the Suruwaha gave birth to Hakani. Hakani means smile and she was a little girl full of bright smiles and laughter. During the first two years of her life, however, she did not develop the ability to speak or walk causing her tribe to put...

read more

The strange theory of homicide without death

Some Brazilian anthropologists and missionaries are defending the indefensible. Through scholarly papers clad in a disguise of cultural tolerance, they are attempting to disseminate a theory that is, at least, racist - the theory that for certain human societies...

read more

ATINI SOU EU

Depoimento de um voluntário: "Passamos nossa vida lutando por aquilo que acreditamos ser correto, porém  hoje entendo que existem causas e CAUSAS. Um exemplo de uma causa que vale a pena é a causa da ATINI, que luta para dar voz aos indígenas que escolheram a...

read more

Professora defende diálogo entre culturas

Em setembro de 2005, a antropóloga e professora da UFABC Ana Keila Pinezi viu-se diante de um cipoal jurídico-antropológico de intrincada resolução. Ela foi convidada a elaborar um parecer a respeito do caso da índia Sumawani, que fora condenada à morte por sua etnia,...

read more

Sobre o direito à família

Criança indígena não tem direito à família? Existe entre nós um universo de crianças que não merecem ter uma família? Será que o bom senso que rege os direitos fundamentais de todas as crianças brasileiras, deva estar ausente para as crianças indígenas? A constituição...

read more

INFANTICÍDIO NA FLORESTA

“Ora, se os indígenas não possuem recursos para tratar da saúde, para enfrentar e prevenir os desafios da selva, além de outras circunstâncias inerentes ao seu modus vivendi, cabe ao Estado ampará-los e não deixá-los ao abandono. A conduta deliberada em tirar a vida de recém-nascidos e infantes, não importando os motivos, contraria os direitos humanos.”

read more

O SORRISO DE HAKANI

Menina suruarrá vive seu dia de fama na escola onde estuda e fascina colegas e professores. Ela tenta esquecer os horrores que enfrentou na tribo, mas deseja rever o único irmão, que a salvou MARCELO ABREU DA EQUIPE DO CORREIO Ela acordou bem cedo, como de costume. Na...

read more

A segunda vida de Hakani

Índia suruarrá rejeitada pela família escapa da morte com ajuda de missionários e ganha um novo lar MARCELO ABREU DA EQUIPE DO CORREIO Nas olimpíadas da escola — onde estuda desde abril do ano passado —, ela brinca, joga queimada e adora corrida. Dá nó em pingo...

read more

THE DECEPTION OF TIUHAWI SURUWAHA

THE ABSURD STORY OF HOW A LAW OF PROTECTION FOR THE WEAK HAS BEEN TRANSFORMED INTO AN INSTRUMENT OF OPPRESSION AND ABUSE OF POWER Tiuhawi escaped death as soon as he was born. Son of a widow, with no known father, he would have no right to life if he had been born a...

read more

Iganani

Iganani tinha dois motivos para ser condenada à morte por sua comunidade. Em primeiro lugar, era filha de uma viúva, e ninguém sabia quem era o pai. Em segundo lugar, ao começar a crescer, foi se tornando evidente que sofria de algum tipo de deficiência. Ela não...

read more

Bianca

Bianca Maitá é uma menina Yanomami que perdeu a mãe logo ao nascer. O pai não conseguia cuidar dela, e as coisas só pioraram quando o povo começou a perceber que ela tinha problemas de saúde e precisava de tratamento. Foi diagnosticado hipotireodismo, mas ela ficou...

read more

Hakani

Hakani ficou órfã quando tinha dois anos de idade. Por não se desenvolver como as outras crianças, ela foi alvo do desprezo e do preconceito de seu povo. Sobreviveu por alguns anos sem assistência alguma, sem que ninguém cuidasse dela. Quando finalmente foi entrege a...

read more

Ética e relativismo cultural

Ética e relativismo cultural Harry Gensler John Carroll University, Cleveland, USA Relativismo Cultural (RC): "Bem" significa "socialmente aprovado." Escolhe os teus princípios morais segundo aquilo que a tua sociedade aprova. O relativismo cultural (RC) defende que o...

read more

A máquina de fazer doido continua ótima!

Ontem, dia 25/09, assisti a reportagem do Fantástico sobre a ação dos missionários da Jocum trazerem índios zuruahá para tratamento médico em SP: uma mistureba de sensacionalismo e passionalidade. Nada muito diferente do que eles fazem sempre. É sina de jornalismo...

read more